Seminário de Educação Especial

Nesse âmbito, através de um discurso teórico-prático, e de modo caloroso, entusiasta e divertido, iniciou a sessão focalizando a sua exposição para a correlação direta entre desenvolvimento da linguagem oral e domínio da leitura e escrita, como fatores determinantes do sucesso escolar. Sublinhando que “a leitura torna-se a ferramenta essencial para aceder ao conhecimento”, defendeu que o combate ao insucesso escolar está diretamente relacionado com a aprendizagem e desempenho na leitura e escrita, registando que “primeiro aprendemos a ler e depois lemos para aprender”. Prosseguiu, de seguida a sua exposição, por meio de diversos exemplos, a partir da obra “TICL – Teste de Identificação de competências Linguísticas” de Fernanda Leopoldina Parente Viana, salientando a importância da estimulação precoce da linguagem e expressão oral, bem como, o papel da educação pré-escolar no desenvolvimento linguístico, na sensibilização à escrita e estimulação cognitiva, tendo destacado que estas pré-competências serão determinantes e facilitadoras do processo de ensino-aprendizagem da leitura e escrita que ocorre no primeiro ciclo. Citou também alguns autores, como o professor catedrático Bairrão Ruivo, o qual constitui uma figura de referência na psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem, com diversos estudos sobre a intervenção precoce, ou ainda Lev Vigostky, psicólogo russo responsável pela “Teoria do desenvolvimento cognitivo” e seu conceito de “zona de desenvolvimento próximo”, tendo neste domínio sugerido a utilização de algumas estratégias pedagógicas como a colaboração entre alunos de idades próximas.

 De registar, por último, a adesão e participação efusiva de significativo número de docentes, dos diversos níveis de ensino, assim como das psicólogas, assistentes técnicos e operacionais do Agrupamento de Escolas, entre outros convidados, os quais manifestaram a sua apreciação muito positiva sobre o evento. 

selo eco web